A VOZ DO SILÊNCIO E DA SOLIDÃO IMENSA..


A pessoa que sou é única, limitada a um nascer e a um morrer, presente a si mesma e que só à sua face é verdadeira, é autêntica, decide em verdade a autenticidade de tudo quanto realizar. Assim a sua solidão, que persiste sempre talvez como pano de fundo em toda a comunicação, em toda a comunhão, não é 'isolamento'. Porque o isolamento implica um corte com os outros; a solidão implica apenas que toda a voz que a exprima não é puramente uma voz da rua, mas uma voz que ressoa no silêncio final, uma voz que fala do mais fundo de si, que está certa entre os homens como em face do homem só. O isolamento corta com os homens: a solidão não corta com o homem. A voz da solidão difere da voz fácil da fraternidade fácil em ser mais profunda e em estar prevenida.

Vergílio Ferreira

515

515
A Distinção Tem um Código...

Zeca Afonso-Traz Outro Amigo Também


Demissão!

Uma janela de oportunudade

segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

EXTRA: O MINISTÉRIO DA INDUCAÇAO DECIDE ALARGAR AS FÉRIAS DO CARANAVAL POR MAIS DOIS DIAS...OS PROFESSORES TERÃO NO ENTANTO DE FAZER ACÇÕES DE FORMAÇÃO NO EGIPTO , TUNISÍA E IEMEN...LER NOTÍCIA...

PARTE DETRÁS DA T SHIRT TORNADA OBRIGATÓRIA PELO MINISTÉRIO DA INDUCAÇÃO NESTA ACÇÃO
DE FORMAÇÃO FEITA NOS PAÍSES ÁRABES





Alexandre Desventura afirmou à Rádio Tanga que este ano a interrupção lectiva do Carnaval vai ser alargada por mais dois dias para deste modo permitir que os professores tenham tempo para efectuar acções de formação para a regressão na carreira. O Ministério disponibilizará passagens e estadia de uma semana na Tunísia, Egipto e Iémene; sendo que para o efeito foram estabelecidos contactos com os ministérios educativos desses países no intuito de serem feitas pontes com os países que na opinião de Alexandre Desventura têm um sistema educativo de ponta.
Os professores terão obrigatoriamente de se deslocar a esses países muito embora a estadia seja à custa do Ministério da Inducação.
O bilhete de volta só será emitido após ser passado o certificado de participação desta acção. A mesma obriga os professores a contactar com os locais para saberem a sua opinião sobre o estado da educação em Portugal; essas entrevistas servirão posteriormente como evidências para seu portfólio.
Mário Nogueira entrevistado pela Carraça sobre o assunto apenas disse duas coisas: 1ª-que está vista que vale a pena negociar com este governo como se comprova por este acto do ministério que demonstrou disponibilidade para resolver a falta de centros de formação em Portugal o que levaria a um triplo congelamento da carreira visto que sem acções não haveria lugar a regressões profissionais.
2ª apenas estranhou o facto de o secretário de estado ter um comportamento algo estranho na reunião com um esgar de troça e sorrizinhos matreiros a quando da indicação de onde seriam realizadas as acções de formação.Não percebeu também o porquê do ministério insistir para que seja usadas pelos professores T Shirts feitas no Ministério com os dizeres: I HATE MAOMÉ AND MUSLINS!!; T SHIRTS ESSAS QUE SEGUNDO O MINISTÉRIO SERIAM DE USO OBRIGATÓRIO A QUANDO DOS INQUÉRITOS FEITOS PELOS PROFESSORES COM AS POPULAÇÕES LOCAIS.



jornalista Eufrásio Acéfalo Bocó

Dois professores sorridentes ao saberem desta boa nova do Ministério

Sem comentários:

Enviar um comentário